Mais carros sem seguro


Mais carros sem seguro

 

O número de automóveis a circular nas estradas portuguesas aumentou no ano passado, de acordo com dados disponibilizados pelo Instituto de Seguros de Portugal (ISP). 
 
Num período em que a economia portuguesa se contraiu 2,7%, o número de veículos sem seguro cresceu 5,6%, tendo em conta o número de processos abertos pelo Fundo de Garantia de Depósitos (FGA), mecanismo que é accionado sempre que há um sinistro envolvendo um automóvel não segurado. "O aumento do número de acidentes participados contraria a descida observada ao longo dos últimos exercícios", afirma o ISP, em relatório. 
 
Em consequência de acidentes causados no espaço europeu por veículos matriculados em Portugal sem seguro automóvel obrigatório, o Fundo de Garantia Automóvel pagou ao Gabinete Português de Carta Verde o montante de 2,1 milhões de euros.
 
17 de Julho de 2010